The sun, the moon, the truth..
“Eu não sei se você já se sentiu assim. Querendo dormir por mil anos. Ou simplesmente não existir. Ou apenas não estar ciente de sua existência. Ou algo parecido. Eu acho que querer algo assim é muito mórbido, mas eu acabo tendo esse tipo de desejo quando estou mal. É por isso que estou tentando não pensar. Eu só quero que tudo pare de rodar.”

“— Mas eu tenho medo.
— Do quê?
(Suspirei).
— De te perder para alguém que te faça mais feliz que eu.”
Bruno Rosa.   

“A verdade é que os últimos meses têm sido, como dizem, uma droga. Sisos nascendo, verões em curso, frilas rolando e uma profunda crise existencial salpicada com arroubos de insegurança e complexo de inferioridade.”
Gabito Nunes. 

“Eu não tentei fugir de você. Tentei fugir dos sentimentos que evidentemente surgiriam por você.”
Dois tons de amor. 




“Perdi o endereço da felicidade;
Fiquei prisioneiro da recordação.”
Idas e voltas, 


“É Newton, sua teoria não estava tão exata. Nem tudo o que foi, voltou.”
Sean Wilhelm 


No que você pensa antes de dormir?



“Tenho me esforçado para ser uma boa pessoa, tenho dado o meu melhor e parece que isso nunca é o suficiente. Parece que eu estou me desgastando para absolutamente nada, então desisti. Comecei a ver a vida de outro jeito e descobri que as pessoas nunca irão ver o seu melhor e sim o seu pior. A grande jogada é fazer do seu pior um pouco melhor, nunca notarão o que há de bom em você mesmo.”
Eu me chamo Anônimo. 

“Lá não tem dor, lá tem amor. Lá tem eu e você, lá tem nós. Lá tem alegria, não tem saudade. Lá não ha silêncio, só o som da sua voz. Lá tem o brilho dos teus olhos e o doce do seu beijo. Lá tem vida, não tem solidão. Lá tem seu abraço e a minha doçura. Lá tem é felicidade e não amargura. Lá é onde eu quero estar.”
um lugar chamado lá, Júlia Carvalho. 

THEME